Compartilhe com os amigos!

Falamos muito sobre call-to action no blog. Como levar as pessoas a clicar nelas. Como projetá-los. E até como torná-los “inteligentes” para que pessoas diferentes que visualizem seu site vejam CTAs diferentes.

Mas espere um segundo… não pulamos algo crucial aí?

Duas perguntas que as pessoas nos fazem o tempo todo são:

  1. O que é um call-to-action em primeiro lugar?
  2. O que faz as pessoas clicarem nos CTAs?

Então… foi assim que este post nasceu.

>>> Quer ganhar um Ebook de “Marketing Digital para Principiantes” e ainda receber conteúdos exclusivos e novidades do mundo digital em seu e-mail? Clique aqui e inscreva-se agora! É totalmente GRATUITO!

Vamos dar um passo atrás e revisar o básico – e se você estiver confiante em começar a criar CTAs por conta própria…

O que é um call-to-action?

Um call-to-action ou “chamada à ação” (geralmente abreviado como CTA) é uma imagem ou linha de texto que induz seus visitantes, leads e clientes a tomar determinadas ações. É, literalmente, uma “chamada” para executar uma “ação”.

A ação que você deseja que as pessoas executem pode ser qualquer coisa: baixar um e-book, inscrever-se em um webinar, obter um cupom, participar de um evento etc. Um CTA pode ser colocado em qualquer lugar do seu marketing – em seu site, em um e-book, em um e-mail ou até no final de uma postagem do blog.

Na maioria dos espaços do seu marketing, você tem apenas um CTA – mas, às vezes, há casos especiais em que você pode incluir vários CTAs.

Mas aqui está o problema de começar com CTAs: você não pode simplesmente colocar um “Clique aqui!” em um botão de néon, inseri-lo no seu site e começar a acumular cliques e leads. Existem vários elementos cruciais que você precisa incluir em um CTA se quiser atrair as pessoas a realmente executar uma ação a partir do seu conteúdo. 

EBOOK MARKETING DIGITAL PARA PRINCIPIANTES

Lista de verificação para um CTA eficaz

Quando você cria seu primeiro call-to-action, é fácil mudar tudo e acabar criando algo em que as pessoas não clicam. Para economizar tempo e esforço, aqui está uma lista de verificação rápida dos elementos essenciais de um CTA de qualidade.

  • Design atraente: Para alguém clicar em seu CTA, é necessário primeiro notar sua existência. Essa é praticamente a única vez em que você pode desviar-se das diretrizes de marca: as cores dos seus CTAs devem contrastar com o design do site e também grandes o suficiente para serem notadas (vimos que elas têm melhor desempenho em torno de 225px de largura e 45px de altura)
  •  Copy que faz as pessoas quererem agir: Não basta dizer “Enviar” como copy (texto) da sua CTA – você precisa de uma frase concisa e sem jargões que use verbos acionáveis ​​para chamar a atenção das pessoas.    
  • Uma proposta clara de valor: As pessoas devem saber exatamente o que acontecerá quando clicarem em um CTA. Eles estão esperando baixar um e-book ou um modelo do PowerPoint? Obtenha uma demonstração do produto ou inscreva-se no seu boletim semanal? Verifique se o CTA diz explicitamente o que está recebendo em troca do clique.
  • Uma página específica (de preferência uma landing page) alinhada com um estágio do ciclo de vendas: Um CTA é mais eficaz se as pessoas forem direcionadas para uma landing page depois de clicar nela, em vez de uma página aleatória no seu site. Por exemplo, um CTA ainda é um CTA se apontar para uma página “entre em contato” (que não é uma landing page), mas não será tão eficaz para direcionar leads e clientes quanto uma landing page específica e focada para um download grátis do e-book. Além disso, os CTAs devem ser criados com um estágio específico no ciclo de vendas em mente. Por exemplo, você não incluiria uma CTA de demonstração do produto em uma postagem de blog criada para visitantes novos – sua taxa de cliques cairia.

… E esse é o básico dos CTAs. Espero que tenha esclarecido qualquer dúvida que possa ter!

>> Veja o treinamento completo que recomendamos para você começar hoje mesmo a criar seu negócio na internet.

Como você vai usar CTAs em seu marketing? Compartilhe suas idéias conosco nos comentários!

Ebooks gratuitos e Cursos online

5 comentários

[MARKETING DIGITAL] Sua definição e importância | ALMANAQUE PLUS · 4 de dezembro de 2019 às 20:08

[…] Isso muitas vezes significará os recursos de seu produto em seu conteúdo mais altos no funil de marketing do que poderia para uma empresa B2B, e talvez você precise usar frases de chamariz mais fortes (CTAs). […]

Como fazer com que a experiência do cliente seja o coração da sua estratégia de marketing na Internet | ALMANAQUE PLUS · 4 de dezembro de 2019 às 19:11

[…] de marketing testarem diferentes idéias sobre conteúdo, design, campos de formulário, CTA’s e muito mais, para ver se eles melhoram as taxas de conversão. E, em vez de fazer essas […]

As 15 etapas para escrever publicações no seu blog | ALMANAQUE PLUS · 3 de dezembro de 2019 às 21:30

[…] Sinta-se à vontade para encerrar as coisas de maneira agradável e sucinta — se você estiver usando o blog de negócios para geração de leads, uma conclusão longa é mais uma barreira ao seu apelo à ação (call-to-action). […]

Dicionário do Marketing Digital: Termos importantes que você precisa conhecer - ALMANAQUE PLUS · 1 de dezembro de 2019 às 18:06

[…] Assim, você pode imaginar que é importante transmitir uma oferta muito atraente e valiosa em um call-to-action para promover melhor a conversão de visitante para […]

Como executar um teste A/B - ALMANAQUE PLUS · 30 de novembro de 2019 às 23:42

[…] pode usar essas etapas para qualquer coisa em seu marketing – explicaremos o processo usando call-to-action (CTAs) no nosso […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *